terça-feira, 1 de novembro de 2005

A posse do INKA

Foi uma cerimônia cheia de atrações artísticas, no prédio do Centro Cultural João Fona, no sábado passado, quando a primeira diretoria do Instituto Kauré de Pesquisa e Promoção do Patrimônio Artístico-Cultural da Amazônia (INKA), da qual faço parte, foi empossada.
A solenidade foi presidida pelo coordenador municipal de Cultura, Roberto Vinholte, representando a prefeita Maria do Carmo, e contou com a presença de outras autoridades municipais. Foram apresentadas poesias, esquetes teatrais, dança e capoeira através de membros do INKA, além de música com a participação especial de João Otaviano e Zé Azevêdo.
Quem quiser saber mais sobre o INKA, clique AQUI.
Registro algumas fotos (de Jurandir Azevêdo) do evento:

Momento em que todos os membros da diretoria (ao fundo) são empossados pela mesa.

As meninas do Núcleo de Danças do INKA em performance tupaiu. Os trajes são de autoria de Laurimar Leal, o artista plástico que também é do INKA.

Por fim, os cantores João Otaviano e Zé Azevêdo se apresentam para o público, que compareceu na solenidade de posse da primeira diretoria do INKA.

Um comentário:

Juvencio de Arruda disse...

Jotinka,
Parabéns pela instalação do INKA.Muita merda prá voces.Considerem-me um servo em Belém,no que eu puder ajudar.Mas que corte de cabelo arretado esse do Vinholte,hein?Bossinha,como a gente dizia nos meus tempos de (pega)rapaz...rs..É o tempo não anda pro pessoal aí.Foi ótimo rever o João,libriano como eu.
E muito obrigado pela Guerra de Marcas.Tá lá,orgulhosamante,no Quinta.Abraço grande e conto com voce e suas habilidades greco-romanas para abrandar a zica da galera com as minhas brincadeiras pela blogosfera..rsrsrs.